quarta-feira, 6 de agosto de 2014

Atropina Resenha Mallevs Maleficarvm


Death Metal Gaúcho dando as caras novamente, Atropina retorna de um hiato de 10 anos e nos brinda com o excelente “Mallevs Maleficarvm”. O disco trás o que o Death Metal dos anos 90 tem de melhor, letras ácidas, criticas ao cristianismo, riffs rápidos, bateria cheia de blast beats e o grande diferencial, letras em português. A banda nasceu em meados dos anos 90, e conta com 2 registros em sua discografia, “Louvar a tudo por nada” lançado em 1996 e “Santos de Porcelana” de 2001.


“Malevs Maleficarvm” marca o retorno da banda ao underground gaúcho. O disco trás 8 faixas de um Death Metal furioso, como manda o protocolo. A audição passa voando em seus quase 30 minutos. Citar uma faixa é um desafio, mas “Psicopatia” traduz toda a fúria que é a sonoridade da banda, refrão grudento, cadencia característica do estilo, blast beats certeiros, riff de guitarra marcante e vocal matador. “Mallevs Maleficarvm” faixa que da titulo ao disco, também é muito eficiente. Enfim a banda nos brinda com uma obra concisa e de uma qualidade fora de serie, impossível não apertar o play de novo após a audição.


Faixas
01 – Inquisição (Intro)
02 – Submundo
03 – Incitação ao Nada
04 – Mallevs Maleficarvm
05 – Nocivo Sorrateiro
06 – Medo da Vingança
07 – Psicopatia
08 – Teoria Apocalíptica(Bônus)


Destaque é a execução e a excelente produção, o lançamento ficou a cargo de mais uma união entre selos do underground Brasileiro; Disturbed Mind Records, Obskure Chaos Distro, Retch Records, Violent Records, Interior Soul Zine&Distro, Cianeto Discos, Blasphemic Art e Rock Animal.



Links Relacionados


por Artur de Azeredo